Equipamentos Novidades Automação Comercial Dicas

15/09/2020 / 1 mes atrás

Saiba como aumentar sua margem de lucro

Saiba como aumentar sua margem de lucro

Saiba como aumentar sua margem de lucro: 9 estratégias para melhorar a lucratividade.

A margem de lucro é uma métrica que deve estar sempre aos olhos e por um bom motivo: ela responde a perguntas críticas sobre seu negócio como: se você está ganhando dinheiro ou não ou se está precificando seus produtos corretamente.

É importante ressaltar que a sua margem de lucro não é apenas algo que você deve medir, é algo que você deve melhorar continuamente. Se seus lucros não estão aumentando, é provável que sua empresa não esteja prosperando.

Mas então como aumentar suas margens de lucro? Veja aqui 9 dicas que poderão ajudar a melhorar esses números.

1. Evite remarcações melhorando a visibilidade do inventário

As remarcações (markdown) que nada mais é que após ter realizado a precificação do produto se faz a remarcação do preço reduzindo o valor para aumentar o fluxo de vendas desse produto. Essas remarcações são muito prejudiciais aos lucros, então evite-os sempre que possível. Como você faz isso? Comece melhorando a forma como você gerencia seu inventário. Você deve sempre ter controle sobre a mercadoria que tem em mãos, bem como quais são seus produtos de vendas rápidas e os mais lentos. Isso o ajudará a tomar melhores decisões sobre compras, vendas e marketing, permitindo que você venda mais produtos e reduza a necessidade de descontos.

Uma forma de maximizar as margens, que também traz outros benefícios significativos, é ter total visibilidade do estoque. Ao fazer isso, isso minimiza remarcações e, portanto, erosão da margem.

Outra maneira de maximizar as margens é ter um sistema eficaz de Gerenciamento de Informações do Produto.

  • Melhore suas práticas de gerenciamento de estoque. Controle seus dados e sempre saiba o que você tem em mãos, o que está vendendo e o que não está se movendo.
  • Use esses insights de estoque para tomar decisões sobre compras, vendas e marketing.

 

2. Eleve o valor de sua marca e agregue esse valor em seus produtos.

Atualmente os varejistas de cosméticos têm uma das melhores margens no varejo. De acordo com especialistas, uma das razões por trás disso é o fato de marcas de beleza e cosméticos se destacarem na criação de conexões pessoais e emocionais com os clientes.

No exemplo os cosméticos fazem as pessoas se sentirem melhor consigo mesmas trabalhando diretamente como seu emocional e promovem uma forte fidelidade do cliente. E cada pequeno item dependendo da marca, embalagem e marketing o lucro pode ser muito alto.

Com o exemplo dos varejistas de cosméticos todas as de todos os tamanhos e estágios de crescimento podem se concentrar em seu posicionamento de marca exclusivo como uma forma de se diferenciar de seus concorrentes podendo assim agregar o valor da marca em seus produtos.

  • Encontre maneiras de aumentar o valor de sua marca. Você pode fazer isso se concentrando nos valores emocionais e de estilo de vida que sua mercadoria pode oferecer.
  • Por exemplo, seus produtos podem fazer as pessoas se sentirem melhor consigo mesmas? Eles podem elevar o estilo de vida de seus clientes? Marcas que são capazes dessas coisas podem frequentemente cobrar um preço mais alto por seus produtos.

 

3. Simplifique suas operações e reduza despesas operacionais

Geralmente os varejistas costumam se concentrar em estratégias de preços ao procurar maneiras de aumentar os lucros, mas na verdade a maioria deveria iniciar com a simplificação das operações. Algumas ações como: corte de horas extras, redução de equipe e dar mais atenção à área de desperdícios já vão ajudar muito na redução de despesas.

Mas o que poderá ajudar muito na redução de despesas é simplificar suas operações, por exemplo, se você não estiver usando um ponto de venda eficiente que englobe estoque, vendas e marketing em um único sistema, considere fazer uma mudança para um sistema de baixo custo que contenha esses recursos. Isso faz com que toda a sua loja e equipe funcionem com mais eficiência.

Outra ótima maneira de agilizar suas operações é automatizar tarefas específicas em seus negócios. Ao colocar atividades repetitivas no piloto automático, você pode reduzir o tempo, a mão de obra e as despesas operacionais necessárias para administrar seus negócios.

Passe por todas as tarefas que você e seus funcionários realizam no dia a dia e veja se consegue automatizar algumas delas. Existem atividades complicadas que estão consumindo grande parte do seu tempo? Você precisa inserir novamente algum dado ou executar determinadas etapas mais de uma vez? Procure soluções automatizadas que possam cuidar delas para você.

Um exemplo seria o lançamento e disponibilização de dados e documentos à contabilidade, nesse caso geralmente o empresário se dispõem ou contrata um funcionário exclusivo para tal tarefa, uma boa alternativa para redução de tempo e automatização seria integrar totalmente o sistema da loja ao sistema de contabilidade com isso as informações serão lançadas instantaneamente para a sua contabilidade eliminando o tempo gasto para essa função que poderá ser direcionado para as vendas e atendimento ao cliente, que é a principal fonte de renda do negócio. E esse exemplo não é a única função que pode ser automatizada, atualmente existem milhares de ferramentas e aplicativos que podem fazer tarefas repetitivas que custariam muito tempo e dinheiro.

Outro exemplo seria o controle de ponto dos funcionários, ajustes, lançamentos de justificativas e demais situações que são obrigadas a serem lançadas na folha de ponto. Mas para isso já existem sistemas que podem fazer esse trabalho com rapidez e facilidade – veja aqui o sistema Asseponto Web –

  • Reduza suas despesas gerais, reduzindo gastos desnecessários e usando suprimentos menos caros (desde que você não comprometa a qualidade).
  • Automatize tarefas repetitivas para economizar tempo e reduzir ainda mais suas despesas.

 

4. Aumente o famoso ticket médio

Aumentar o valor médio do pedido por compradores que já estão em sua loja é uma ótima maneira de aumentar seus lucros. Você já investiu para levá-los até seu estabelecimento, agora encontre maneiras de maximizar seus gastos.

Comece com upsell e cross-selling, que seria em uma explicação bem simplificada é disponibilizar a compra de um produto que teoricamente faz conjunto com outro, como exemplo fralda e pomada para assaduras também disponibilizar o compre mais e pague menos e as compras de combos (igual as de fast food). Com isso, alguém que compra de você já foi qualificado. Eles se envolveram com sua marca e, embora possa parecer óbvio, são significativamente mais receptivos a ofertas e publicidade de produtos. Por esse motivo, faz todo o sentido incentivá-los a gastar mais.

Observe o comportamento de seus clientes em seu estabelecimento com isso você pode começar encontrando produtos que provavelmente serão comprados juntos. Então, depois que um usuário se compromete a comprar um produto, incentive o aumento de gastos, recomendando itens relevantes.

A colocação estratégica de produtos na loja também pode aumentar o ticket médio. Coloque seus produtos mais lucrativos na vitrine e nas melhores e mais visíveis áreas de sua loja, isso o ajudará a vender seus itens mais lucrativos, contribuindo mais para seus resultados financeiros.

Então as ideias consistem em:

  • Aumente o tamanho da cesta de compra por meio de venda sugestiva.
  • Encontre seus produtos mais lucrativos e posicione-os nas áreas de alto tráfego de sua loja.
  • Promova compras por impulso no caixa.

 

5. Implementar práticas de compra mais inteligentes

Esteja você em uma feira de negócios para ver novos produtos ou na mesa de negociações com seus fornecedores, certifique-se de estar sempre encontrando maneiras de reduzir custos.

Pense no custo final

Uma das melhores maneiras de fazer isso é levando em consideração o custo final dos produtos, ou seja, custo de atacado, impostos, frete, etc. Depois de ter esse valor final, pergunte-se: 'Eu pagaria X por isso?'. Do contrário, você precisa encontrar uma maneira de reduzir o custo ou deixar de usar o produto.

Peça descontos ou ofertas de fornecedores sempre, saiba negociar com seu fornecedor. Se você é um bom pagador, compra com frequência, certamente ele vai considerar e lhe dar o desconto para fechar a compra.

Aumentar as quantidades do pedido

Digamos que você precise aumentar as quantidades do pedido de um determinado item para reduzir seu preço. Nesse caso, você pode examinar os dados de seu inventário e verificar a necessidade de uma compra maior. Mas se esse não for o caso você poderá se juntar com outros compradores. Isso é algo que muitos grandes varejistas vêm fazendo há algum tempo. Há alguns anos, por exemplo, o Walmart buscava co-compradores de matérias-primas, para que pudessem obter mais poder de compra.

Explore suas opções e analise-as com seus fornecedores para conquistar uma melhor negociação. Se eles se opuserem, verifique outros fornecedores para descobrir se eles podem oferecer termos mais favoráveis.

Antes de finalizar um pedido, sempre considere o custo final levando em consideração os impostos, despesas de envio e muito mais.

  • Não tenha medo de pedir ao seu fornecedor para lhe dar um desconto ou adicionar algumas unidades extras.
  • Reúna-se com outro dono (ou donos) de loja e compre junto. Dessa forma você pode pedir um desconto maior aos atacadistas.

 

6. Melhores os relacionamentos com fornecedores

Falamos acima sobre como negociar melhor os contratos com seus fornecedores para reduzir os custos das mercadorias e ampliar suas margens. Se você quiser dar um passo adiante, considere construir relacionamentos mais fortes trabalhando mais estreitamente com eles.

Envolva-se no planejamento de negócios conjuntos

Importante que os varejistas se envolvam no planejamento de negócios conjunto com os fornecedores. Esta é uma ferramenta colaborativa em que metas de lucro são acordadas e iniciativas são desenvolvidas para ajudar a atingir essas metas. Ou seja, os dois lados se ajudam a se tornar mais lucrativos.

Reduza os custos e ineficiências da cadeia de suprimentos

A cadeia de suprimentos ou Supply Chain, é um sistema de organizações, pessoas, atividades, informações e recursos envolvidos na atividade de transportar produtos ou serviços dos fornecedores aos clientes. Gerir essa estrutura com eficiência é o grande desafio das organizações e exige muito planejamento.

Os varejistas tem que planejar e estudar essa cadeia de suprimentos para descobrir onde há custos desnecessários. Por exemplo, enviar o produto em um caminhão pela metade é mais caro do que quando ele está cheio. Fazer muitas entregas a cada semana em uma loja é mais caro do que apenas uma. Os varejistas devem perguntar a seus fornecedores se eles estão fazendo algo que esteja aumentando os custos da cadeia de abastecimento que poderia ser melhorado.

É importante uma conversa com seus fornecedores para ver se há algo que você pode fazer para tornar as coisas mais fáceis ou mais econômicas.

Fortaleça seus relacionamentos com fornecedores e determine como vocês podem trabalhar melhor juntos. Isso pode ajudá-lo a identificar maneiras de reduzir os custos do produto e despesas operacionais. Ou, pelo menos, pode melhorar seu fluxo de trabalho e produtividade.

  • Tenha um relacionamento colaborativo com seus fornecedores. Participe do planejamento de negócios conjuntos e descubra como você pode melhorar a lucratividade.
  • Identifique as ineficiências em sua cadeia de suprimentos e encontre maneiras de reduzi-las.

 

7. Dar descontos em seus produtos.

Embora o desconto geralmente vá contra os conselhos tradicionais sobre lucratividade, pode ser vantajoso para você se você fizer isso da maneira certa.

Considere ofertas personalizadas

Por exemplo, você pode tentar fornecer ofertas personalizadas. Lembre-se de que nem todos os clientes estão conectados da mesma forma. Algumas pessoas podem precisar de um incentivo de 20% de desconto para converter, enquanto outras não exigem muito para serem convencidas.

Em vez de matar seus lucros com ofertas grandes e únicas, identifique o tamanho do desconto necessário para converter cada cliente.

Analise o comportamento de seu cliente e reúna o máximo de informações sobre as compras anteriores, histórico de navegação em seu site e muito mais, isso permite você conhecer melhor o comportamento de cada cliente e descobrir uma maneira econômica de converter mais cada um.

Uma ótima dica: após ter levantando todas as informações necessárias poderá encaminhar uma campanha de e-mail com cinco ofertas de descontos diferentes, feitas sob medida para cada indivíduo. Os clientes receberam uma das seguintes ofertas em sua caixa de entrada: Frete grátis, 5% de desconto, 10% de desconto, 15% de desconto e R$ 30 de desconto em novos produtos.

Como uma ação como essa você poderá aumentar os lucros e as vendas mesmo concedendo descontos sob medida a cada cliente.

Veja se você pode fazer algo semelhante em seu negócio. Em vez de oferecer descontos gerais, analise o histórico de compras de seus clientes e personalize suas ofertas com base em seus comportamentos e preferências. Fazer isso não apenas aumentará as chances de conversão (as pessoas têm mais probabilidade de responder a uma oferta se for relevante para elas), mas também ajudará a maximizar suas margens.

Fator tempo

O tempo também é crítico há uma linha sutil entre muito cedo e muito tarde. Se você reter os itens por muito tempo, acabará tendo que vendê-los com um desconto muito maior.

Boas informações e experiências históricas são cruciais. O excesso de estoque, produtos antigo e indesejável vai amarrar seus reais e impedi-lo de comprar novos produtos. Eventualmente, seu volume diminuirá, deixando você com menos reais de margem.

Seja sensato sobre seus descontos

É extremamente importante analisar suas promoções para garantir que não prejudiquem suas margens.

 

Você precisa fazer perguntas importantes como: Quantos pedidos a mais uma promoção trouxe? Quanto de receita sua promoção gerou e como isso se compara à média depois que suas despesas gerais e o desconto foram levados em consideração?

Uma maneira eficaz de descobrir isso é por meio de testes A / B, oferecer sua promoção para metade dos seus usuários (seja por e-mails, anúncios direcionados, no local, etc.). Este teste pode precisar ser executado algumas vezes para se tornar significativo. Mas muito rapidamente você poderá comparar o lucro obtido entre os dois grupos - identificando se suas promoções estão realmente sendo eficientes.

  • Personalize as ofertas para não dar um desconto muito grande para pessoas que converteriam em um limite inferior
  • Teste diferentes tipos de promoções para ver quais estão realmente gerando receita

 

8. Inspire sua equipe a fazer mais

Uma maneira de aumentar seus lucros é aumentar a produção de sua equipe existente. Não importa o tipo de loja que você administra, há uma boa chance de que seus funcionários não estejam sendo tão produtivos quanto poderiam - e isso não é necessariamente culpa deles.

É importante que você avalie os processos da sua loja para garantir que eles não estão atrasando as pessoas. Criar procedimentos que possam ser facilmente replicados e implementados por sua equipe, mesmo quando você não estiver por perto, é um bom começo.

Depois de fortalecer seus processos, você pode trabalhar para capacitar e treinar sua equipe para aumentar o nível. Não existe uma maneira certa de fazer isso, pois cada varejista é diferente. Mas aqui estão algumas ideias:

Defina as metas de vendas certas e motive sua equipe a cumprir (e superar) essas metas.

Identifique as principais características de associados de varejo de sucesso e desenvolva essas características em sua equipe.

Implemente as melhores práticas de contratação e treinamento no varejo para aumentar o desempenho, as vendas e o atendimento ao cliente.

Ajude sua equipe a superar o medo de vender.

Eduque sua equipe sobre vendas sugestivas.

Treine sua equipe para causar uma primeira impressão melhor com os clientes.

  • Você pode estar perdendo a produtividade da equipe (e, em última análise, os lucros) devido ao "entrave organizacional".
  • Evite isso simplificando seus procedimentos, eliminando a burocracia e capacitando sua equipe para fazer mais.

 

9. Identificar e eliminar desperdícios

Encontrar áreas de desperdício em seu negócio e eliminar esses desperdícios você pode economizar dinheiro e aumentar seus resultados financeiros.

Abaixo vamos apresentar 7 tipos de desperdícios que geralmente são utilizados nas indústrias, mas também podem ser aplicados nas operações varejistas.

  • Defeito - (produtos defeituosos devido a problemas como controle de qualidade, manuseio inadequado, etc.)
  • Observar a Operação - (encomendar ou fabricar mais mercadorias do que o necessário)
  • Aguardando - (tempo de inatividade não planejado, ausências, cargas de trabalho desequilibradas, etc.)
  • Não utilizar os talentos - (deixar de aproveitar totalmente as habilidades ou potencial de sua equipe, fazer com que os funcionários façam as tarefas erradas, etc.)
  • Transporte - (movimentos desnecessários de produtos - por exemplo, transporte desnecessário, movimento ineficiente de uma loja para a outra)
  • Excesso de estoque - (excedente ou estoque morto na sua sala)
  • Desperdício de espaço - (pode gerar movimentos desnecessários de pessoas - um exemplo, layout de loja ineficiente)

Examine cada um desses componentes individualmente e veja como eles se aplicam ao seu negócio. Se esses tipos de desperdícios estiverem presentes, encontre maneiras de reduzi-los ou eliminá-los.

Lembrando que a renovação e inclusão de equipamentos de automação comercial também ajuda em todos os processos do estabelecimento com uma melhoria de produtividade trazendo consequentemente um aumento de lucros. Confira aqui os equipamentos

Você nem sempre precisa fazer mudanças drásticas em seus negócios para melhorar significativamente seus resultados financeiros. Como este post mostrou, às vezes um simples ajuste no preço ou um telefonema para o seu fornecedor pode abrir caminho para margens maiores.

Esperamos ter ajudado de alguma forma.

 

Equipe i9 Automação Comercial

 

 WhatsappChat OnlineMessenger, Telefone, E-mail

Conta pra gente o que achou!

0 comentário

Deixe seu comentário

Comentário

Nome

E-mail

Quanto é 4 + 2?

NEWSLETTER

Digite seu e-mail

Não se preocupe, também não gostamos de SPAM :)

PARCEIROS